Tag Archives: Padres de Campos

Manual de Orações (1989)

SOBRE O LIVRO

Manual de Oracoes 1989MANUAL DE ORAÇÕES (1989)

Este livro foi impresso em 1989 – Ano do Jubileu de Ouro Sacerdotal do Exmo. e Revmo. Mons. Francisco Apoliano – Vigário em Bom Jesus do Itabapoana desde 31/01/1957.

OPÇÕES PARA BAIXAR/DOWNLOAD

Opção 1: Manual de Orações
Baixar/Download: WordPress.
Idioma: Português.
Edição: Bom Jesus do Itabapoana, 1989.
Formato: PDF.
Tamanho: 62,5 MB.
Número de páginas: Arquivo PDF com 41 páginas.
Fonte: Alexandria Católica.

CONTEÚDO Continue lendo

Anúncios

Catecismo de Nossa Senhora (OHS)

SOBRE O LIVRO

CATECISMO DE NOSSA SENHORA (OHS)

Publicado em 1997 pelos padres da União Sacerdotal São João Maria Vianney, fundada por S.E.R. Dom Antônio de Castro Mayer. Na época, os “Padres de Campos” ainda protegiam a integridade da fé católica. Apesar de hoje terem abandonado a luta e caído nas garras do modernismo, praticando-o e divulgando-o, muito de seu antigo material reflete a fé que um dia defenderam.

OPÇÕES PARA BAIXAR/DOWNLOAD

Opção 1: Catecismo de Nossa Senhora (OHS)
Baixar/Download: WordPress.
Edição: Ontem Hoje Sempre.
Data: 16 de julho de 1997 (Festa de Nossa Senhora do Carmo).
Idioma: Português.
Formato: PDF.
Tamanho: 3,68 MB.
Número de páginas: Arquivo PDF com 16 páginas.
Obs.: Normalmente o arquivo será aberto com as páginas na diagonal, neste caso basta girar a visualização no sentido anti-horário para facilitar a leitura.
Fonte: Alexandria Católica.

CONTEÚDO Continue lendo

Quer agrade, quer desagrade

SOBRE O LIVRO

QUER AGRADE, QUER DESAGRADE

Homenagem aos 25 anos de Ordenação
– Jubileu de Prata Sacerdotal –
do Revmo. Pe. Fernando Arêas Rifan
1974-1999

APRESENTAÇÃO

pe-rifan-quer-agrade-quer-desagradeComo parte das comemorações do jubileu de prata sacerdotal do Revmo. Pe. Fernando Arêas Rifan, ocorreu-nos a feliz idéia de reunirmos em um livro uma coletânea de vários artigos por ele escritos e publicados, em diferentes épocas, em diversos órgãos da imprensa.

Os artigos que selecionamos versam sobre assuntos variados, mas sempre com uma equilibrada visão católica, conforme a Igreja sempre orientou os seus fiéis.

Os leitores terão assim uma recordação instrutiva e esclarecedora das lutas, idéias e orientações do Revmo. Pe. Fernando Arêas Rifan, que, aliás, coincidem com as dos Revmos. Padres fiéis à Tradição Católica, da União Sacerdotal São João Maria Batista Vianney, de Campos dos Goytacazes, RJ.

“Quer agrade, quer desagrade”!

Certamente este livro não agradará a todos. Nem é sua pretensão. Bom sinal! O próprio Jesus não conseguiu a unanimidade do beneplácito popular. São Paulo, autor da frase, título deste livro, exclamava: “Se alguém vos anunciar um Evangelho diferente daquele que recebestes, seja anátema. Porque, em suma, é a aprovação dos homens que eu procuro, ou a de Deus? Porventura é aos homens que eu pretendo agradar? Se agradasse ainda aos homens, não seria servo de Cristo” (Gal. I, 9 e 10).

Mas todos admirarão a sinceridade e a clareza de posições do autor, que preferiu o “sim sim não não” do Evangelho à conivência com o erro e à cumplicidade na “autodemolição da Igreja” com pretensões e aplausos e reconhecimentos oficiais. Como pitorescamente comentou um jornalista da “esquerda”: “Pe. Fernando é um inimigo em quem se pode confiar!”, reconhecendo, apesar de divergir dele, a lisura e lealdade do seu posicionamento.

Junto com esta homenagem, a nossa gratidão ao Revmo. Pe. Fernando Arêas Rifan, pelos seus 25 anos de vida sacerdotal, vividos para a glória de Deus e bem das almas, conforme o seu lema: “Jesus às almas, almas a Jesus!”, sob a proteção da Mãe Celestial, a quem ele consagrou sua vocação e seu sacerdócio.

Amigos e Paroquianos da Igreja do
Imaculado Coração de Nossa Senhora do Rosário de Fátima
– Campos dos Goytacazes – RJ

OPÇÕES PARA BAIXAR/DOWNLOAD

Opção 1: Quer agrade, quer desagrade.
Baixar/Download: WordPress.
Autor: Padre Fernando Arêas Rifan.
Idioma: Português.
Edição: 1999.
Formato: PDF.
Tamanho: 477 KB.
Número de páginas: Arquivo PDF com 143 páginas.
Fonte: FSSPX.

CONTEÚDO Continue lendo